VATICANO

5 ANOS DE PONTIFICADO

O primeiro encontro entre Papa Francisco e Bento XVI

Por Redação
13 de março de 2018

Os Pontífices se encontraram na residência apostólica de Castel Gandolfo

Vaticano Media

No dia 23 de fevereiro de 2013, o Papa Francisco e o Papa emérito Bento XVI, se abraçaram ao se encontrar na residência apostólica de Castel Gandolfo, onde o antecessor do atual pontífice vivia após sua renúncia, em 28 de fevereiro daquele ano. Bento XVI, na época com 86 anos, estava em Castel Gandolfo à espera do fim das obras de reestruturação do mosteiro no Vaticano onde vive atualmente.

Naquela ocasião Bento XVI cedeu o genuflexório a Francisco, e este o recusou, lhe dizendo: “somos irmãos”. Depois, ambos rezaram de joelhos. Os dois usavam vestes brancas. O Papa emérito foi com uma singela batina branca, e Francisco com outra da mesma cor, mas com a mantelete e a faixa usada pelos Pontífices.

Os cumprimentos naquele encontro histórico começaram no heliporto da residência pontifícia e depois os dois passaram à residência papal, onde Francisco e Bento foram para a capela. Após a oração, eles se reuniram a sós na biblioteca privada, onde conversaram por 45 minutos.

Francisco presenteou Bento 16 com um ícone de Nossa Senhora da Humildade. O Santo Padre explicou ao Papa emérito que “esta Nossa Senhora é a da Humildade, e eu pensei no senhor e quis dar-lhe um presente pelos muitos exemplos de humildade que nos deu durante o seu pontificado”, destacou Francisco. Em seguida, os dois almoçaram e, depois, Francisco retornou ao Vaticano. Essa foi a primeira vez que se viram desde que o cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio, foi eleito papa em 13 de março de 2013.

Matéria originalmente publicada na edição do O SÃO PAULO, de 26 a 1º de Abril de 2013.

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.